Ateísmo

John Lennox

Não se pode explicar o universo sem Deus

Por John Lennox (*) Não restam dúvidas de que Stephen Hawking é intelectualmente destemido como um herói da Física. E em seu último livro, o notável físico propõe uma audaciosa...

médicos

Médicos religiosos agem diferente

Uma pesquisa realizada com mais de 8.500 médicos do Reino Unido mostrou que a fé de um médico tem “forte influência” sobre suas decisões acerca de pacientes terminais. O estudo,...

hauser (1)

Eles não seriam quem são se não fizessem o que fazem

Dia desses, o notório (e finório) psicólogo Marc Hauser experimentou no cocuruto o mesmo tipo de safanão moral que, reza a lenda, teria humilhado o imperador Frederico II. Conta-se que o...

Craig-Venter

Eles desistiram de querer ser Deus

César Moisés Carvalho Quando em maio passado a imprensa alardeou o “grande” feito realizado pelo cientista estadunidense Craig Venter, dando a impressão de que ele havia criado vida em laboratório,...

Ciência

A suposta neutralidade científica dos ateus

Os céticos, ateus e agnósticos – na sua grande maioria – acham que as idéias advindas de cientistas religiosos não são confiáveis, simplesmente por serem escritas e defendidas por pessoas...

Evolucionismo

Implicações do darwinismo

Muitas pessoas não conseguem compreender como a adoção da teoria darwinista pode afetar drasticamente a forma como encaramos a vida. Essas pessoas são cegas ante a evidência de que a...

aachen-interior-vitrais-catedrais-medievais

“Célula sintética”: vendendo gato por lebre

por Silas Daniel Em 20 de maio, o geneticista norte-americano J. Craig Venter anunciou nos Estados Unidos que criou vida artificial em seu próprio laboratório. A notícia ganhou logo destaque...

0,,32995013,00

Jornalistas seguidores do irado Dawkins

Em matéria publicada no site da revista Época, com o tema “Dawkins: um biólogo irado“, o jornalista, cujo nome não é revelado, não contente em simplesmente dar publicidade ao novo...

O que Darwin não podia saber

O que Darwin não podia saber

_Dr._Werner_Gitt_ Para celebrar o “ano de Darwin” em 2009, a revista alemã Die Zeit publicou um artigo de duas páginas com a manchete “Muito obrigado, Darwin!”, acompanhado de quatro páginas...